Teste rápido Renault Captur Zen 1.6 - O certo é o que ainda não veio

Teste rápido Renault Captur Zen 1.6 – O certo é o que ainda não veio

Renault Captur Zen 1.6 manual

Renault Captur Zen 1.6 manual

O mote da propaganda do Renault Captur é “design à primeira vista”. Isso mostra claramente que a aposta da marca francesa com este crossover é o estilo, que sem dúvida chama a atenção. Como a “femme fatale” que faz pescoços torcerem por onde passa. Mas como é viver com ela? Com a mais “fatale” de todas, a versão Intense, rolou uma certa decepção. Ficamos com essa curiosidade quanto à mais acessível delas, a Zen 1.6. E tivemos a chance de descobrir ao longo de uma semana como ela se porta.

Leia também:

Renault Captur 2.0 – Teste instrumentado, comparativo com o Kicks e vídeo
Renault Duster 1.6 fica mais barato com a chegada do Captur
Supercomparativo SUVs – Hyundai Creta x Chevrolet Tracker x Nissan Kicks x Honda HR-V x Jeep Renegade

A versão Zen 1.6 começa em R$ 78.900. Que, para bom entendedor, é R$ 79 mil. Mas a unidade que veio para nossas mãos também tinha o esquema de pintura “biton”, com teto em cor diferente do restante da carroceria (R$ 1.400), e com MediaNav e câmera de ré (R$ 1.990). Então estamos falando de um veículo de R$ 82.290, algo que já não o torna tão acessível quanto ele deveria ser. Continua…


LEIA O TESTE COMPLETO E VEJA TODAS AS 58 FOTOS NO MOTOR1.COM!



Publicidade