Jaguar Land Rover terá nova linha chamada Road Rover

Jaguar Land Rover terá nova linha chamada Road Rover

Land Rover Range Rover Velar

A Jaguar Land Rover irá entrar em outro segmento com uma linha inédita. Segundo a publicação britânica Autocar, será batizada como Road Rover. O primeiro modelo será um crossover elétrico para disputar diretamente com o Mercedes-Benz Classe S em termos de luxo, de olho em mercados como Estados Unidos e China. Deve ser revelado no Salão de Los Angeles, no final de 2019.

Publicidade

O nome Road Rover é um retorno ao passado, como foi feito com o novo Range Rover Velar. Retoma um nome utilizado na década de 1950 para um protótipo que seria a ligação entre os Rovers e o Land Rover original. Para os dias de hoje, vale pelo nome fazer alusão a um modelo mais urbano do que os outros carros da marca.

Leia também:

Essa será a pegada do Road Rover, mais asfalto do que terra. O diretor de design da Land Rover, Gerry McGovern, costuma comentar sobre como a marca está de olho em espaços onde poderia ter um novo carro – que ele chama de “espaço em branco”. Um resultado disso é o Velar, que fica entre o Evoque e o Range Rover Sport.

Será também mais um passo no plano de eletrificação da marca. Enquanto o Jaguar I-Pace será o primeiro elétrico de fato de todo o grupo, o Road Rover servirá de vitrine da empresa para mercados como China e Estados Unidos. Deve compartilhar a tecnologia do I-Pace, mas virá com a plataforma da nova geração do sedã XJ, outro que deve virar elétrico.

Jaguar I-Pace 2018 - projeção

Seu foco será no luxo, motivo pelo qual mira no Mercedes-Bens Classe S, trazendo acabamento com materiais nobres e muita tecnologia. Apesar do alemão servir de rival no conceito, a verdade é que ele deve mirar em outros SUVs. O esperado é que tenha uma autonomia de pouco mais de 450 km e aceleração de 0 a 100 km/h em menos de 5 segundos.

Adotar a Road Rover como a marca elétrica da JLR faz sentido pelos problemas para transformar os Land Rover e Range Rover em elétricos. Por serem modelos com capacidade off-road, teriam que se preocupar em proteger a motorização de impactos e, principalmente, da água. O caminho para eles será a propulsão híbrida.

Fotos: Divulgação e Motor1.com
Fonte: Autocar

Comentários no Motor1


Publicidade