Recall - Ford Ranger pode não acionar os airbags em acidente

Recall – Ford Ranger pode não acionar os airbags em acidente

FordRanger2017-35

A Ford anuncia nesta semana a realização de um recall envolvendo a picape Ranger no Brasil. Segundo a marca, unidades produzidas na Argentina entre 15 de novembro de 2016 a 31 de janeiro de 2017 devem voltar às concessionárias para reparar problemas identificados no funcionamento dos airbags laterais e do passageiro.

Publicidade

Leia também:

Depois dos EUA, Ford Ranger também será vendida na China
Ford confirma investimento bilionário para fazer a nova Ranger e o Bronco
Ford Ranger terá versão Raptor com motor V6 e câmbio de 10 marchas

Conforme explica a montadora, variações no processo de produção dos módulos dos airbags podem resultar no não acionamento desses mecanismos em caso de acidentes, com consequente risco de danos físicos ao motorista e ocupantes. O reparo consiste na verificação e, se necessário, substituição dos módulos dos referidos airbags – serviço que leva em média 1 hora.

Informações adicionais estão disponível pelo telefone 0800 703 3673 ou pelo site www.ford.com.br.

Fotos: divulgação 


Publicidade