OPINIÃO: Reles compradores ou simples “Zé Ninguém”? | CARPLACE

OPINIÃO: Reles compradores ou simples “Zé Ninguém”?

Carros

Somos um dos maiores mercados automotivos do mundo, estamos em uma excelente fase de crescimento econômico, temos estrutura para receber dezenas de outras indústrias, temos poder de compra. Então, por que a indústria automotiva ainda nos trata como reles compradores?

Publicidade

Sabemos que a carga tributária nacional é enorme e estupidamente imoral. Mas chega dessa desculpa para tentar nos fazer de bobos. O brasileiro se acostumou a comprar “gato por lebre” e, pior, a achar que está levando para casa uma das oitavas maravilhas do mundo automotivo.

Quando os importados aportaram neste solo foram recebidos com muita desconfiança. Com o passar dos meses o que se viu foi uma reconfiguração no comportamento de milhares de consumidores que deixaram de caminhar para trás para dar um passo rumo ao futuro. Todavia, como por aqui tudo o que é bom dura pouco, veio o lobby das montadoras “nacionais” e o governo recuou, elevando o IPI de quem estava fazendo a coisa certa. Em outras palavras, tratando o consumidor como ele merece (?) ser tratado.

Não estou aqui questionando se uma marca é ou não melhor do que outra. Se aquelas que geram empregos no país merecem ou não ter um tratamento diferenciado. O que questiono é o meu direito de ter acesso a produtos de qualidade superior, confortáveis e seguros.

É um tanto hilário quando se fala que o brasileiro é apaixonado por carros. Por quais carros, se a maioria do que temos sequer é considerado como tal em outras nações? Talvez sejamos alucinados pelos automóveis de verdade, aqueles que poucos brasileiros podem ter, e cuidadosos com os que possuímos.

Façamos uma retrospectiva a respeito de como são feitos (a grande maioria) os lançamentos no Brasil.
– “Novo isso, novo aquilo… você ainda terá um!”
– “Novo XXXX, você nunca teve outro igual!” – será?

Pelo amor de Deus, relançam modelos como se eles houvessem passado por uma total reestilização. Mas, como? Ah, vá lá, mudam uma lanterna aqui, colocam uma nova tonalidade ali e, para coroar, fazem uma promoção estendendo a garantia (aplausos) por mais um ou dois anos. É brincadeira! Quer dizer, é uma piada!

Em novembro, passamos por um vexame internacional. Na segunda fase do Latin NCAP, programa que avalia a segurança dos veículos comercializados na América Latina, soubemos (se é que já não sabíamos) que alguns de nossos modelos mais populares não eram seguros o suficiente por conta de fragilidades estruturais. Durante os testes ficaram evidentes problemas nas carrocerias, incapazes de aguentar impactos mais fortes, além da presença de estruturas perigosas que apresentavam graves riscos de lesão e de morte para os passageiros.

Diante de tudo isso ainda tem montadora afirmando que seus modelos são mais do que EX-CE-LEN-TES. É desconcertante ter que presenciar esse posicionamento e saber que há cidadãos dispostos a brigar por quem os ludibria.

Defender um produto por o que realmente ele vale é uma coisa completamente diferente de discutir sua significância e seus benefícios ou não para o consumidor. Sobre apoiar certas marcas pelo que elas representam é algo normal. O que não deve acontecer é ignorar quando o mercado quer se aproveitar da “ingenuidade” e paixão desenfreada de alguns.

A deslealdade começa por quem deveria cuidar dos interesses do povo. Afinal, do pouco que já é feito o mínimo é para beneficiar a população. Na relação indústria x governo a nossa importância é ínfima. Sabe por quê? Porque as leis estão aí para serem burladas e ainda deixam fendas imensas para que a parte mais frágil da relação continue como está: frágil.

A decisão é somente nossa. Atuar coletivamente para sermos tratados com o respeito que nos é devido ou agir individualmente e continuarmos sendo vistos como reles compradores ou simples “Zé Ninguém”. Afinal, parodiando a música da banda Biquini Cavadão: “eu sou do povo, eu sou um ‘Zé Ninguém’, aqui embaixo as leis são diferentes…”

Por Michelle Sá


Publicidade

  • Luiz

    A maior desculpa dos executivos é "Imposto Brasil",mas por trás está o lucro e retorno de capital imediato. Ora,a JAC teve tudo pra sacudir o mercado,a KIA com o Picanto, A Nissan com o March e o Versa.Quem não compraria um Picanto completo por 30.000? Quem não compraria um Versa completaço por 36.000?E a Jac poderia colocar no mercado seus carros a preços realmente de sacudir.Mas,até nas cores,a malandragem tá sendo copiada: Pratinha,pretinho e agora um branquinho,que pode ser até interessante novinho.Quem vai comprar um usado branco? Daqui pouco tempo o vermelho vai tomar conta,é a ditadura das cores.Mesmo vc pagando não pode e não tem cor diferente.Haja saco!

  • Denilson

    Michelle, parabén pelo artigo, vc é mais corajosa que muitos raposões que são representantes das 4 grandes e que se fingem de colunistas automotivos. Veja o que aconteceu esta semana com dois atletas sul americanos e que comprova minha teoria de que o que falta no Brasil são bancos…bancos escolares!!!Enquanto o Adriano com o carro cheio de vagabas , deu um tiro ¨acidental¨numa delas altas horas da madrugada, na Argentina o carro de Messi enfrentou problemas mecânicos ( isso de dia) e ele cordialmente tirou fotos com o mecânico e ainda telefonou para a filha dele(do mecânico) que estava de aniversário. Ou seja, enquanto na Argentina, no Chile e em todos os paises decentes do mundo se investe na educação, no Brasil cultuamos a falsa malandragem do jeitinho, a desonestidade, o mais fácil…E depois nós ficamos brabos porque argentinos, chilenos,norte-ameicanos, europeus, etc. compram carros muito melhores e mais baratos que nossas tradicionais conduções!!!!

  • Danielfla

    A minha única objeção de todo o post é, a lei que obriga as montadoras a equipar os carros com ABS e AirBag de série, devia ter um prazo máximo de dois anos! E não de quatro à cinco como foi colocado! Se todos os carros viessem com esses itens, pra mim, já estaria de bom tamanho! E enquanto a história de nacional x importado, bem.. não falo mais, porque acho que minha opinião não vale nada em um mero comentário em um blog automotivo.

    Bom post Carplace!

  • Vamos nos unir no facebook, já é um comeco! /lucrobrasil

  • Emerson

    E Inacreditável como uma matéria aguça a hipocrisia humana. A maioria dos comentários instiga a um possível movimento contra a industria automotiva brasileira, como se isso fosse bastante para mudança nas linhas de produção das montadoras. VAMOS DEIXAR A HIPOCRISIA DE LADO !!! Qual o carro que vocês tem na garagem ???? Ou não tem carro ???? Se tem e vocês consideram carroças, deixo um desafio: QUAL DE VOCÊS APOS LER ESTA MATÉRIA, VAI VENDER DE IMEDIATO SEUS CARROS ???? Vao andar de que ? Espremidos no metro ? No trem ? No ônibus ? Andem de bicicleta então. O problema nos nossos carros, não e a qualidade dos mesmos, pois carros com qualidade baixa existem em todo mundo e sim a alta carga tributaria que faz com que nossos carros custem muito mais do que realmente valem. Esse comentários que denigrem carros nacionais, devem ter sido feitos por quem só anda de BMW e Mercedes, ou então por desocupados de plantão.

    • LEKA

      cARROS DE BAIXA QUALIDADE EXISTEM EM TODO MUNDO AFFFH NUNCA VI GOLS, UNOS, CELTAS NA EUROPA, ESTADOS UNIDOS, COREIA DO SUL, JAPAO

      • Emerson

        PREZADA SRA, NÃO ME REFERI AOS VEÍCULOS CITADOS EM SEU COMENTÁRIO, ALIAS, SEI QUE ESTE E UM ESPAÇO DEMOCRÁTICO, MAS, AS PESSOAS DE BOM SENSO DEVERIAM AVALIAR SE TEM OU NÃO CAPACIDADE DE EMITIR COMENTÁRIOS SOBRE ASSUNTOS QUE NÃO DOMINAM. INFORME-SE SOBRE OS CARROS QUE ESSES PAÍSES TEM E DEPOIS INSIRA SEU COMENTÁRIO, POIS CARROS BONS E RUINS EXISTEM EM TODO CANTO DO MUNDO SIM…ALIAS, JA VENDEU SEU CARRO ???? OU E UMA MERCEDES CLASSE C ???? SE NÃO FOR, QUANDO VENDER DEBATA COMIGO, POIS, ACREDITO QUE A SRA DEVA SER UMA DAQUELAS PESSOAS QUE ACREDITAM QUE NOSSOS CARROS SÃO CARROÇAS, SÓ PORQUE LERAM EM UMA MATÉRIA NA INTERNET.

        OBS: TENHA OPNIAO PRÓPRIA E NÃO SIGA A DA MULTIDÃO, OK ??? GRANDE ABRAÇO E MANTENHA-SE INFORMADA.

    • ALDO

      VOCE SE ESQUECEU , QUE ALEM DA ALTA CARGA TRIBUTARIA , JUROS ASTRONOMICOS , AS MOTADORES TEM LUCROS ESTRATOSFERICOS NO BRASIL

    • arthur

      burrrrroooooooooooooooooooooooooooooooooo animall

  • Eduardo

    A culpa é dos brasileiros mesmo que estão cada vez mais gulosos e comprando carro ZERO com prestações a perder de vista e com valores absurdos.

    Já passou da hora de simplesmente fazer uma campanha onde NINGUEM irá comprar carro zero, vamos assim obrigar a baixar os preços inicialmente e futuramente exigirmos sermos respeitados com carros que venha de serie com ABS, Airbag, Trio eletrico e Ar condicionado… é o minimo que se possa ter um carro.

  • D7V5

    Olha aí: Procurei por "Congresso Nacional + menos impostos" e encontrei este site: http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoVer.aspx?…
    Acho que vale a pena tentar o caminho do abaixo assinado. Não sei quem está por trás. Apenas dei um voto de crédito. Decida você mesmo.

  • Liverton

    Michelle Sá, parabéns pela reportagem! Vamos aos fatos (sem dar nomes aos bois): uma pessoa quer comprar um carro. Fica "excitada" pelo marketing interessante de um carro zero bem equipado com bom preço… custo x benefício – ok! …MAS DE MARCA EXTERIOR ÀS "QUATRO GRANDES". Analisa o mercado (como todos fazemos) e a opinião de amigos (milhões de "nós" ao redor desse interessado comprador). Essa pessoa é DESANIMADA a comprar tal carro porque: SUA MANUTENÇÃO É CARA, A MARCA AINDA NÃO É CONSOLIDADA NO MERCADO NACIONAL, O VALOR DE REVENDA CAI MUITO (POR CAUSA DA MARCA x MODELO), O SEGURO É MUITO ALTO, NÃO EXISTEM MECÂNICOS ESPECIALIZADOS EM MANUTENÇÃO DA TAL MARCA…BLÁ. BLÁ, BLÁ…O tal indivíduo se frusta em tomar uma decisão diferente e… SERÁ MAIS UM DESSES MILHÕES DE BRASILEIROS A ADQUIRIR UMA CARROÇA. Afinal, é melhor não arriscar. Gente, sejamos sinceros, isso ocorre TODOS OS DIAS AO NOSSO REDOR. Desde que comprei meu primeiro carro foi assim, e até hoje (estou no meu quarto veículo) ouço essas LADAINHAS DE ESPECIALISTAS EM AUTOMÓVEIS. Granças a Deus, não os ouço… e não me arrependo! Mas escuto viu… ah como escuto!

  • boca

    a melhor materia que ja li aqui, estou sem palavras………………………….

    • Concordo. Vou repassar para todos os meus contatos.

  • Jose Luiz

    Sábias palavras sobre nossos carros, esse aumento de IPI foi uma sujeira sem tamanho…

    Mas pessoal, sem hipocrisia: Pagamos impostos elevadíssimos, não recebemos nada em troca, nem saúde, nem transporte, nem qualquer tipo de infraestrutura … os políticos roubam sem nenhuma cerimônia… e vcs querem protestar contra qualidade e preço dos carros?
    Depois vão eleger novamente PT, Dirceu, Palloci, Sarney, Collor?? Vai protestar para tirar os ladrões que pegam o seu dinheiro em impostos ou desvios….

    Eu pago meus impostos, trabalho, compro importados, pago plano de saúde particular, pago mais e esses caras que estão no governo podem morrer no inferno!!!! E alías… nem pagando plano vc está salvo, vai num pronto socorro do Sâo Luis do Morumbi, vai no Sírio Libanes para ver qto tempo demora para ser atendido agora…. no mínimo 1 hora na triagem e mais 30 minutos para o especialista…. nem com dinheiro estamos salvos….
    Agora fazer protestinho sobre carros???!??!?!!

    • Milton_GT

      Falou e disse, concordo plenamente.

  • Luizp

    Parabens de novo à Michelle Sá. Matéria pra alçar vôo…

  • MARCOS

    pessoal não adianta pedir para não comprarem carro 0K, pq ninguem vai deixar de comprar carro 0K, mas podemos fazer uma campanha para compra apenas de 2 marcas, ai o preço das outras vão baixar, fazendo assim, loco teremos preço justo, pq as carroças (agora comprovada que são inseguras) vão continuar mas terão que baixar os preços.

    • Milton_GT

      E que marcas você vai eleger como "Santas" se cada um tem a sua preferida?

    • Henrique_SSa-BA

      Sei não viu… NÃO COMPREM carro em 2012. Vamo travar essa ciranda em 2012, dando uma graninha pro nosso "mecânico de confiança" dá uma buriladinha em nossa corroça, deixando ela nos "trincks", rs, pra usarmos até 2013. E se vc (não vc Marcos, o leitor) estiver sem carro(ça) compre uma usada. Vamo boicotar as montadoras e por tabela a arrecadação do governo. Ano que vem é ano de eleição, vai faltar grana pra farra, menos publicidade e menos cabresto, quiçá um eleitor mais sóbrio…

    • alanwalnut

      Correto. Mesmo porque os grandes compradores são as empresas, que conseguem desconto pela quantidade adquirida.
      Pra que fazer greve de carro zero se eles continuarão vendendo?

  • Rodolfo Nóbrega

    O problema de nós Brasileiros é que não somos revolucionários, ou seja, não reivindicamos por nossos Direito, nosso dinheiro, qualidade, e muito menos, nossa segurança!!!
    Em outros paises, a população iria as ruas, queimariam os carros fabricados por essas marcas, e com certeza, os veículos seria de melhor qualidade e segurança.
    Nossos carros saem das fabricas com sérios problemas estruturais (motor e carroceria), na pinturas e inúmeros problemas de acabamentos, só encontrados em carros da decada de 80 e 90, e quando nós socorremos a Justiça, que na verdade, um "grito de socorro", somos mais uma vez esculachados, como se fossemos nós consumidores os causadores dos problemas, "lesionadores".
    NA VERDADE, ESSE É NOSSO BRASIL, UM PAÍS QUE TEM ORIGEM COM PILANTRAS ADIVINDOS DO VELHO CONTINENTE, EM BUSCA DE ENGANAR E SE DÁ BEM AS CUSTA DO POVO LOCAL!!!!

  • mazotti

    parabens MICHELLE

    ainda bem que existem jornalistas integros e com discernimento como você.
    Estes dias fiquei indignado e sem forças pra comentar uma reportagem "CHAPA BRANCA" tentando desqualificar os testes feitos pelo LATIN-N CAP com nossos maravlhosos populares. Aquele jornalista deu uma aula de desserviço ao consumidor brasileiro nivelando-nos por baixo. Como se os testes de segurança em paises em desenvolvimento devessem ser mais "realistas" com nossa condição de pobres. Só faltou ele concluir que nós merecemos mesmo morrer, ficarmos invalidos,perdermos filhos nesta selvageria .Segurança é para pais rico!
    Espero outras reportagens corajosas como esta. Meu ano irá terminar melhor que eu imaginava.
    Mais uma vez parabens.

  • Bruno R

    Parabéns, Michelle! Excelente!!!!

    Prova maior de que o mercado brasileiro é um lixo e o consumidor (maioria) um idiota: UNO E GOL são os carros mais vendidos neste infeliz país….

    Só pra constar: A Sra. FIAT (especialista em carroças) é a que mais desrespeita o consumidor….mas que compra, MERECE!

  • Milton_GT

    Não concordo muito com esse posicionamento, pois acho que um povo tem que se fazer respeitar e um Governo também, as Montadoras só querem é ganhar dinheiro, vendendo o que o consumidor quer. Quando elas chegaram aqui no Brasil, elas apreenderam que o Governo do Brasil não tava nem aí com o que elas faziam, o que o Governo viu foi a montanha de dinheiro que viria com a fabricação de automóveis aqui, aí inventaram o Seguro obrigatório, o IPVA, a contribuição social cobrada nos combustíveis e etc… E o pobre consumidor brasileiro pagando tanto imposto não conseguia comprar um automóvel. Daí passaram a fabricar automóveis o mais simples possível para conseguir vendê-los. Vocês não fazem a menor ideia dos impostos que são cobrados de qualquer empresa. Eu sei porque tenho uma. Por causa disso eu entendo o porque das montadoras cobrarem esse preço nos veículos. Elas tem que vender os carros o mais caro possível, porque amanhã o Governo inventa um imposto novo e se elas não tiverem reserva o lucro vai pro lixo. Daí, eu acho que a culpa de todo o cenário é única e exclusivamente do nosso Governo. Se nem nosso Governo nos trata como cidadãos, porque as Montadoras iriam fazê-lo? Se o Governo só quer tomar o máximo do nosso dinheiro possível, porque as Montadoras agiriam diferente?. Afinal elas tem o exemplo da VEMAG, GURGEL, Democrata, que o Governo deixou quebrarem, não deu nenhum apoio. Esta é uma terra de cada um por si, por causa disso os brasileiros são egoístas e só querem levar vantagem, não estão errados, só estão reagindo a exploração a que estamos submetidos.

    • Jose Luiz

      As famílias são a cara dos patriarcas…. As empresas são a cara dos donos….
      O exemplo vem de quem está acima, de quem governa…. se quem governa o país vive de levar vantagem em cima dos outros, vive impune e não dá o exemplo… o que as pessoas sem cultura ou educação acham que podem fazer?????
      Se nada acontece com "eles"….. eu posso fazer também…. isso é o Brasil.

  • Henrique_SSa-BA

    P A R A B É N S pelo texto Michelle. Disse tudo. Ótima provocação.

  • SOBRINHO

    PARABENS MICHELLE PELA MATERIA , REALMENTE O POVO BRASILEIRO É MUITO EXPLORADO ENGANADO , ROUBADO , LUDIBRIADO PELAS MONTADORAS E INFELISMENTE PELO SEU PROPRIO GOVERNO QUE É CORRUPTO E SÓ VISA INTERESSES PROPRIOS , O CASO DOS AUTOMOVEIS É APENAS MAIS UM ENTRE MILHARES DE SITUAÇOES EM QUE NOSSA POPULAÇAO ESTA A MERCE . MAS SÓ EXISTE UM CAMINHO PARA UM PAIS DESCENTE , QUE É A FORÇA QUE O PROPRIO POVO TEM DE PROTESTAR CONTRA ESSAS INDESCENCIAS E BOICOTAR PRODUTOS E EMPRESAS QUE VENHAM A NOS LESAR , SÓ ASSIM UNIDOS CONSEGUIREMOS MUDAR ESSA VERGONHA QUE ACONTECE NESSE PAIS .

  • FabricioRibeiro

    Ótimo texto muito claro e coeso, disse tudo, mais quando o assunto é cultura, chega a ser revoltante mais acredito que dias melhores virão!!!

  • Barrufada

    É isso aí; o Brasil é um excelente mercado consumidor; toda porcaria que o mundo rejeita a gente compra, e compra caro.
    O POVO BRASILEIRO, VERDADEIRAMENTE, USUFRUI DAQUILO POR QUE LUTA, E ASSIM SERÁ ATÉ QUE OS OBJETIVOS E OS NÚMEROS DAQUELES QUE LUTAM SEJAM MUDADOS.

  • RSM

    Michelle Sá,

    Por favor, sugira alguma coisa. Não precisamos de mais "tocadores de merda no ventilador" e sim de lideranças.

    O que acha você de colar um adesivo no carro do tipo… "Esse carro é uma BOSTA".

    Eu colaria no meu carro.

    • nxr

      Então pq comprou?

  • Roger1

    Obrigado e parabens, Governo Brasileiro:
    -Pelos altos impostos
    -Pela falta de leis que exijam um padrão de segurança e preservação do meio-ambiente nos carros aqui industrializados (a porcaria de inspeção veicular no municipio de SP que não serve para nada, só para tirar a grana de quem tem carro novo e roda com a documentação em dia, pois, as bixeiras sem licenciamento, cheias de multas e poluidoras, não fazem a maldita inspeção e acabam com o transito das grandes cidades, sem segurança, poluindo e fedendo por aí)

    Obrigado governo Brasileiro, como representante do povo, por ignorar as necessidades e carência do povo Brasileiro se aliando às montadores e defendendo somente interesses internos.

    A culpa não é do povo Brasileiro, que compra o que se tem para comprar, em um país onde o transporte e a segurança publica são uma vergonha, quem vai deixar de comprar seu carro? A culpa está nesta cambada de porcos do Distrito Federal.

    Obrigado pelo apoio, governo Brasileiro!!!

  • Murilo Mazur

    Esta discussão sobre o preço dos automóveis no Brasil se mostra bastante interessante, pois finalmente o brasileiro está acordando para o preço irreal das coisas por aqui, ainda mais com nossa realidade (sim, há pessoas morrendo de fome no sertão nordestino; e não, não somos ricos).
    No entanto, o que eu percebo é o seguinte: o que todo mundo quer é pagar menos pelo seu sonho motorizado. Até hoje, eu não vi NENHUMA discussão (preço, quantidade, conforto) sobre o transporte coletivo deficitário no Brasil, sendo que este sim é a VERDADEIRA causa dos preços abusivos dos automóveis por aqui, já que eleva a demanda por veículos automotores e inflaciona o preço dos mesmos. A impressão que eu tenho é que ninguém QUER discutir, porque a maioria pensa que "ônibus é coisa para pobre suado e fedido".
    No final, das contas, ao invés de lutarmos por uma causa coletiva, que TODOS se beneficiariam, estamos sendo mesquinhos e individualistas, preocupando-nos apenas com o preço dos automóveis. Afinal, precisamos mostrar para o vizinho que temos dinheiro, não é?