Opinião - As peruas não subiram no telhado, elas apenas subiram no salto

Opinião – As peruas não subiram no telhado, elas apenas subiram no salto

SUVs são as novas peruas

SUVs são as novas peruas

Se teve uma coisa que fiz ultimamente foi dirigir os novos “SUVs” que vêm inundando o mercado brasileiro. Desde janeiro andei no Hyundai Creta, no Chevrolet Tracker, no Jeep Renegade, no Nissan Kicks, no Honda HR-V, no Renault Captur e, mais recentemente, no Honda WR-V. Todos com visual parrudinho e altura do solo elevada, para se distanciar do chão e colocar seu dono em evidência – sim, eles são os carros da moda, e a marca que não participar deste segmento está perdendo dinheiro.

Só que o “boom” desses modelos tem feito vítimas. Em nosso mercado com orçamento limitado, não adianta ter muita oferta de modelos que não sejam SUVs e estejam na mesma faixa de preço deles. As peruas foram as primeiras a minguar. Na seara dos R$ 100 mil, apenas a VW Golf Variant ainda é vendida no Brasil – e talvez justamente pelo fato de a Volkswagen ser uma das poucas a não ter um SUV compacto, que só chegará nos próximos anos. A carência das chamadas station-wagons já incentivou até campanhas do tipo “Salvem as peruas!”, mas o fato é que as peruas não subiram no telhado. Elas apenas subiram no salto. – continua…


VEJA REPORTAGEM COMPLETA CLICANDO AQUI!



Publicidade