"Não podemos errar no Kwid", diz porta-voz da Renault sobre demora no lançamento

“Não podemos errar no Kwid”, diz porta-voz da Renault sobre demora no lançamento

Renault Kwid

A Renault não tem pressa para lançar o Kwid no mercado brasileiro. Ao menos foi essa a impressão que executivos da empresa demonstraram ao falar do futuro compacto, durante o lançamento do Captur à imprensa. “Não podemos errar no Kwid”, disse um porta-voz da marca à reportagem do Motor1, ao explicar porque o modelo, exibido no Salão do Automóvel em novembro passado, ainda não chegou às lojas.

Renault Kwid Outsider Concept

“O carro está praticamente pronto, agora é questão de acertar todos os detalhes de produção e qualidade do antes de começar a vendê-lo”, explica outra fonte ligada ao projeto. “Não adianta acelerar o processo e acabar errando”, conta o informante, claramente se referindo ao rival Fiat Mobi, que teve um começo de vendas abaixo do esperado. E quando fala em acertar a produção, a Renault fala sério: segundo apuramos, a marca terá capacidade de fazer o Kwid ser o líder de vendas do mercado brasileiro, se a demanda assim exigir. Isso significaria que a fábrica de São José dos Pinhais (PR) teria de colocar cerca de 15 mil Kwid mensalmente nas ruas, fora as unidades para exportação – continua…


VEJA A REPORTAGEM COMPLETA E GALERIA DE FOTOS CLICANDO AQUI!


Fotos: Donizetti Castilho


Publicidade