Mercedes-Benz Classe S 2018 estreia visual atualizado e novos motores

Mercedes-Benz Classe S 2018 estreia visual atualizado e novos motores

Mercedes Classe S 2018

Mercedes Classe S 2018

Além da prévia do futuro Classe A Sedan, outra atração importante da Mercedes-Benz para o Salão de Xangai é o facelift do Classe S. Sedã de topo da marca, o modelo incorpora leves atualizações no conjunto frontal e na traseira, além de retoque e novas tecnologias no interior. Sob o capô, destaque para o motor 4.0 V8 biturbo que substitui o 5.5 V8 usado até então.

Leia também:

Futuro rival do A3 Sedan, Mercedes Classe A Sedan aparece como conceito
Novos Mercedes-AMG GLC63 são tão rápidos quanto o AMG GT Roadster
Flagra! Picape Mercedes Classe X de produção desembarca na Argentina

Primeiro desde o lançamento desta geração em 2013, o facelift traz mudanças nos conjuntos frontal e traseiro de todas as versões. As configurações equipadas com motores de 6 e 8 cilindros, por exemplo, ganham a grade dianteira que até então era exclusiva dos V12. É nova também a disposição interna das luzes dos faróis, com LEDs mais modernos e função de inclinação nas curvas, entre outros. Rodas com novos desenhos completam o pacote.

2018-mercedes-benz-s550-3

Na cabine, sai de cena o volante de apenas 2 raios e entra em ação um tradicional de 3, com pegada mais esportiva e novas funcionalidades. Há ainda novas opções de revestimento em madeira e iluminação ambiente com 64 cores diferentes. Duas telas sensíveis ao toque com 12,3 polegadas cada abrigam os comandos de diversos sistemas, incluindo entretenimento, ar-condicionado, computador de bordo e tantos outros.

No quesito segurança, destaque para o sistema Active Emergency Stop Assist, capaz de parar automaticamente o carro caso o motorista pare de responder a certos estímulos – em caso de cochilos ou desmaios, por exemplo. Uma série de câmeras, sensores e radares são responsáveis por auxiliar o condutor nos ajustes automáticos de velocidade e frenagem automática.

2018-mercedes-benz-s550-4

Sob o capô, a oferta começa com o motor 3.0 V6 de 367 cv. Na sequência, o propulsor 4.0 V6 biturbo desenvolve 470 cv ou 611 cv, substituindo o 5.5 V8 usado até o momento. Por fim, o 6.0 V12 de 630 cv atua como opção de topo, sendo exclusivo da versão S65. O câmbio é automático Speedshift MCT de 9 marchas.

 A galeria completa de fotos você confere aqui

Fotos: divulgação 


Publicidade