Genesis deixa Reino Unido após fracassar diante de Mercedes e BMW

Genesis deixa Reino Unido após fracassar diante de Mercedes e BMW

Genesis G80 Sport

Genesis G80 Sport

Alçada à categoria de divisão de luxo da Hyundai desde 2015, a Genesis parece não ter tido a receptividade esperada pelos sul-coreanos em mercados da Europa. No Reino Unido, por exemplo, a marca acaba de anunciar sua saída definitiva depois das vendas pífias registradas no país ao longo de dois anos: apenas 50 unidades. As operações por lá giravam em torno da comercialização do sedã G80, que sucedeu o antigo modelo Genesis e tinha a missão de enfrentar Mercedes-Benz Classe E e BMW Série 5.

Publicidade

Leia também:

Genesis GV80 Concept antecipa primeiro SUV premium sul-coreano
Sedã premium da Hyundai, novo Genesis G80 chega aos EUA com motores V6 e V8
Genesis confirma dois sedãs, um cupê e dois SUVs de luxo até 2020

2018 Genesis G80 Sport

 

Diretor-gerente da Hyundai no país, Tony Whitehorn argumenta que o G80 nunca foi motivo de grandes expectativas. “Ele não foi construído para o mercado europeu, mas sim para os mercados coreano e americano. Um sedã grande com motor 3.8 V6 não é realmente o que é exigido na Europa e, em particular, no Reino Unido”, disse o executivo. “Nós o trouxemos para testá-lo, já que muitos o guiaram na América e gostaram. Ele já estava pronto, com direção do lado direito na Austrália e, então, decidimos lançá-lo aqui também”, completou.

 

2018 Genesis G80 Sport

 

O retorno da marca ao país ainda não foi definido, mas a expectativa é que aconteça quando o portfólio ganhar novas opções. Estratégica para os planos da Hyundai, a Genesis terá nos próximos anos uma série de novos modelos, incluindo um sedã rival do BMW Série 3 e inéditos SUVs.

Comentários no Motor1

Fotos: divulgação


Publicidade