Flagra - Ford Fiesta mostra nova dianteira por São Paulo (SP)

Flagra – Ford Fiesta reestilizado não mudará motor nem câmbio

Flagra Fiesta 2018

Flagra Fiesta 2018

A Ford já confirmou que a nova geração do Fiesta não chegará ao Brasil. Por enquanto, apenas os europeus terão este privilégio, sendo que nem os Estados Unidos conhecerão a sétima geração da linha. Para nós, o Fiesta receberá uma reestilização, que começa a dar as caras durante os testes em São Paulo (SP), mesmo que escondida por baixo de uma camuflagem quase transparente.

As fotos foram tiradas por nossa reportagem na Marginal Pinheiros, via de grande fluxo da cidade e que serve de caminho até a fábrica da Ford, em São Bernardo do Campo (SP). Na traseira, a camuflagem chamava mais atenção que qualquer mudança, já que, aparentemente, nada muda. Mas a dianteira, mesmo com uma capa, deixava aparente as principais modificações.

Publicidade
Flagra - Ford Fiesta (facelift) em São Paulo (SP)

Chama a atenção a grade central maior, assim como aconteceu no EcoSport. Os faróis de neblina continuam redondos, mas perdem a companhia da grade, sendo instalados diretamente no para-choque. E parecem maiores, para acompanhar a maior “boca” dianteira. Como resultado, a dianteira do novo Fiesta parece estar mais limpa, mas ao mesmo tempo, imponente. Na lateral, apenas novas rodas.

Por dentro, ao menos nesta unidade flagrada, a central multimídia era a mesma utilizada no Fiesta Sedan, que voltou a ser importado do México. O sistema é o SYNC 3, com tela de 6,5″ sensível ao toque e espelhamento de smartphones via Apple CarPlay e Android Auto. Aparentemente, nada de tela flutuante de 8″, como no EcoSport.

Flagra - Ford Fiesta reestilizado

Desta vez, o Fiesta aparece menos camuflado que o flagra anterior, feito em São Bernardo do Campo (SP) em junho deste ano. Naquela ocasião, ele nos mostrou faróis com projetores e luzes diurnas de LED.

Na parte mecânica, porém, o Fiesta 2018 ficará devendo. Segundo apuramos junto a fontes ligadas à Ford, o hatch não terá o motor 1.5 de 3 cilindros nem o câmbio automático do EcoSport. Manterá os motores 1.6 e 1.0 Ecoboost, em versões manual de 5 marchas e automatizada de dupla embreagem de 6 posições (Powershift). Novidade pode ficar por conta da oferta do Ecoboost em mais versões do compacto. A ver.

Fotos: Leo Fortunatti/arquivo Motor1.com Brasil

Comentários Motor1


Publicidade