Bollinger B1 mostra como seria um Land Rover Defender elétrico

Bollinger B1 mostra como seria um Land Rover Defender elétrico

Bollinger B1

Bollinger B1

Olhando de relance, você provavelmente confundiria o Bollinger B1 com um Land Rover Defender. Mas, fora a proposta e a capacidade no fora-de-estrada, os dois têm muito pouco em comum. Primeiro, porque o Bollinger B1 é totalmente elétrico, enquanto o Defender morreu porque não atendia a normas de emissões. Segundo, porque o veterano tinha carrocerias SUV e picape. O Bollinger oferece as duas possibilidades na mesma carroceria, algo que explicamos melhor mais adiante.

Leia também:

Toyota fará elétrico com baterias revolucionárias até 2022
Mini confirma chegada de compacto totalmente elétrico em 2019
Marca de elétricos Lucid Motors pode ser comprada pela Ford

Publicidade

Com 3,81 m de comprimento, 1,94 m de largura, 1,87 m de altura e 2,67 m de entre-eixos, o Bollinger B1 tem vão livre padrão de 39 cm, mas ele é ajustável de 25 cm a 51 cm. Vale lembrar que o Hummer H1 tinha um vão livre mínimo de 41 cm. Os respeitáveis ângulos de ataque (56º), de saída (53º) e de transposição central (33º) mostram seu apetite para as trilhas. Além disso, o B1 tem distribuição de peso de 50/50 (semelhante à dos BMW), chassi de alumínio e 367 cv e 65,3 kgfm (desde 0), entregues por dois motores elétricos. Um para cada eixo. Eles permitem que o B1 vá de 0 a 96 km/h em 4,5 s e atinja a máxima de 204 km/h.

Bollinger B1 Electric Truck

Se considerarmos que modelos elétricos usam baterias bem pesadas, os 1.769 kg em ordem de marcha do B1 não assustam. Especialmente se considerarmos que a maior parte dele fica concentrada no chassi, onde as baterias estão instaladas. Isso livra um bocado de espaço, que pode ser justamente ocupado pelas “caçambas” dianteira e traseira. Isso mesmo: o Bollinger B1 tem uma caçamba dianteira.

Bollinger B1 Electric Truck

A empresa chama o porta-malas dianteiro de caçamba pela forma como ele pode ser aberto: tanto pelo capô quanto pela tampa dianteira. Com ela e a tampa traseira fechadas, é possível levar ripas de madeira de até 3,66 m cruzando a parte central do SUV (há um vão entre os bancos dianteiros e uma porta no que seria a “parede de fogo” de um modelo comum”. Com as tampas abertas, e até o limite delas, pode-se transportar objetos de até 4,69 m de comprimento.

Bollinger B1 Electric Truck

O B1 ainda está em desenvolvimento, mas já pode ser reservado. Ele deve começar a ser fabricado em 19 meses, ou por volta de março de 2019. As reservas, por ora, não exigem nenhum depósito em dinheiro. Ainda não há previsão de quanto ele vá custar, mas temos certeza de que fará sucesso. Seja pela proposta inusitada, seja pelo desempenho, seja pelo visual saudosista. O Land Rover Defender já tem um sucessor à altura. E preparado para os novos tempos.

Fotos: divulgação


Publicidade