BMW quer equiparar serviço de pós-venda do Brasil ao da Alemanha

BMW quer equiparar serviço de pós-venda do Brasil ao da Alemanha

BMW Serie 5 2017

BMW Série 5

A BMW anuncia nesta semana a conclusão de mais uma etapa do programa de melhoramento do pós-venda que vem desenvolvendo nas concessionárias do Brasil. Com R$ 5 milhões aplicados desde 2014, a ação prevê o enquadramento das revendas dentro do programa global de certificação e auditoria em funilaria e pintura – válido tanto para a BMW quanto para a MINI.

Leia também:

Poderia a BMW ter uma picape baseada na Toyota Hilux?
Novo BMW Série 5 chega ao Brasil em maio com preços desde R$ 314.950
BMW anuncia super ofensiva e promete 40 novos carros em dois anos

Em parceria com a Dekra, a companhia auditou e certificou 3 grupos empresariais: Eurobike (Ribeirão Preto, interior de São Paulo), Grand Brasil e Osten (ambos na capital São Paulo). Outras 4 concessionárias já haviam sido certificadas em 2015: Autostar (São Paulo), Germânica (Sorocaba), Autokraft (Rio de Janeiro) e Euro Import (Curitiba).

bmw-m2-teste-25

Com a iniciativa, a BMW pretende atrair clientes e alavancar os serviços da área de funilaria e pintura,  desenvolvendo padrões e treinamento para os profissionais. Segundo a marca, as revendas que foram auditadas melhoraram em 12% o faturamento, em 7% a passagem de clientes e em 67% o aproveitamento de mercado (serviços que não eram feitos na concessionária e passaram a ser).

Para este ano, a meta é ampliar o programa de auditoria para toda a rede, com o objetivo de equiparar o serviço oferecido pelas revendas brasileiras ao entregue pela rede da marca na Alemanha.

Fotos: divulgação 


Publicidade